Pensamentos


Se pensarmos que esta vida é apenas uma passagem ilusória, repensaríamos nossas ações, balancearíamos as nossas emoções. Filtraríamos todo o desnecessário e todo o que não é da nossa alçada e assim nos dedicaríamos para o que realmente importa.

“A vida que temos é o agora”: apenas se você pensar que o “agora” é o caminho todo, ele é, tempo é uma ilusão já provada por Einstein. Então, todos os “agora” desencadeiam em reações a todos os nossos atos, independente do caráter deles… bom e mau passam a ser medidos a partir dos retornos… Se retorna algo bom, mesmo que tenha sido duro e difícil, foi bom. Se o retorno for ruim… depende de como encara o “ruim”: Um rompimento é ruim? Depende de para onde você estaria se fosse levado por ele em alguns anos. Será que era a vida que você deseja viver? Se for um ruim, ruim… reanalise o que você fez para chegar a este ponto. Analise e aprenda para não repetir tudo igualzinho depois.

Vemos nas histórias com loop temporal que a situação se repete até que tenhamos a atitude correta, apropriada, aquela que é fruto do que precisa ser aprendido com aquilo. A ficção é espelho da realidade, em proporções que nos permitam notar o necessário.

“Nasci assim e vou morrer assim. Não vou trair minha essência.”: Se a sua essência envenena… meu bem, ela não é boa nem para você e é por isso que você acha isso: mero reflexo do que isso tem causado a você mesmo. Os “inquebráveis” quando quebram, fica muito difícil colar, porque são inúmeros pedaços, se não, pó. Os resilientes no entanto… reconhecem que nunca estão prontos o suficiente e usam o know-how aprendido para se adaptarem a novas situações… evoluir em Darwin, é ADAPTAÇÃO! Os que melhor se adaptam, “sobrevivem”. Adaptar não é seguir a maré. Adaptar é usar o recurso que você tem dentro de você, que faz parte de você para lidar com uma situação desafiadora e contorná-la para que possam conviver harmoniosamente. Na Savana, alguns mamíferos se alimentam se arbustos espinhosos… mas conseguem digerí-los e tudo vira alimento e mais um dia, continuaram vivos e mantendo a espécie viva.

“Eu tenho que viver para mim! A vida não deve ser viver só para os outros!”: Sim, a vida plenificada se realiza se dedicando aos outros. Gandhi não pensou “vou manter a minha carreira como advogado ao invés de lutar por essas pessoas”. A vida plenificada manifesta o verdadeiro amor. No verdadeiro amor, está Deus. Alguns dizem que é Deus. Independente de sua crença, experencie algo onde você realmente se sentiu plenificado e daí você me diz se o que sentiu na essência (gratidão, felicidade, realização) não encontrou com o amor (o amor próprio, o amor pelo que fez, pelo que faz, pela capacidade de fazer). Deus não é um nome em um idioma. Deus é o que nos torna melhores, mesmo quando não acreditamos nEle. É a centelha divina que nos habita desde sempre e que também está em tudo no universo: no ciclo da chuva, na semente que brota, na rocha que compõe o solo que não se desfaz aos seus pés. Então, talvez não seja “Deus é Amor” mas… “o Amor é Deus”, assim como outros aspectos, mas o amor seria essa dinâmica que movimenta todos os outros aspectos. Se o que você faz pelo outro não te faz sentir bem, então pare. Redirecione suas ações. Sem amor, nenhuma oferta é boa e ainda nos deixa marcados pela vida… (lembram do Caim? metáforas…) Somos identificados pelos nossos pares a partir das nossas ações. Nossos pares são todos que estão em nossos diversos entornos.

Para hoje, essas três “frases de efeito” são suficientes para refletirmos. Outro dia pensamos outras.

Namastê!

Sobre Carmen Goncalves

Entusiasta da Arte de Escrever!
Esse post foi publicado em Crônicas & Poesias, Cristandade, Diversidades, Opinião e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

O que isso lhe fez Pensar?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s