Energias


Sexo é energia transformada em satisfação. Trabalho é energia transformada em realização. Uma e outra, assim como outras atividades podem se tornar energias de plenificação: fazendo evoluir, transmutar, compreender, absorver, reciclar, enviar, devolver…

Se você é alguém insatisfeito, agitado, ansioso, “elétrico” como se diz, é energia acumulada pedindo libertação através da liberação.

Ser livre é fazer parte. Ser livre é compreender, aceitar, difundir, estabilizar.

Sabe quando dizem para os pais: “leva essa criança pra fazer algum esporte que vai ficar mais calmo!” ou frases similares? Não é diferente em adultos.

Desconfio muito que tantas atividades do #RodrigoHilbert revelem uma #FernandaLima que fala demais em seu programa o que faz de menos em sua casa.

Não à toa, via de regra, os hormônios envolvidos são os mesmos. De alguma forma o corpo (e a alma) pedem a homeostase, o reequilíbrio, o liberar e o adquirir.

Não à toa igualmente, os viciados em academia são frígidos, sem apetite sexual: podem ter um corpo esculpido porém, não sabem como utilizar no encontro com o outro, pois gastaram tudo malhando.

Não à toa, os nerds são criativos: redirecionam o acúmulo de energia; como se diz popularmente, da cabeça de baixo, para a de cima.

Não à toa, Freud nomeou as fases do desenvolvimento infantil associando aos órgãos reprodutivos…

A versão científica, alternativa, psicológica, mágica vão dar versões sobre o mesmo processo, equivalentes. Energia se manifestando nos chacras. Hormônios em glândulas endócrinas. Por aí vai, vocês já entenderam. Podem até não aceitar, mas entenderam.

Como ficou cunhado um dito na química: “Na natureza, nada se perde, nada se cria, tudo se transforma” (e não venham me dizer o “autor” que a história não é bem assim…).

Vão surgir os agressores a dizer que estou sendo invejosa, que são felizes, blábláblá… em nenhum momento eu disse que não são felizes ou algo do tipo, mas inconscientes, é possível.

Mas eu não sou Jung. Porém desconfio, que ele sorriria, poria o cachimbo e assentiria meu palpite com o olhar.

Manda pro Universo!

Manda!

Manda e deixa teus chacras se alinharem, os hormônios se estabilizarem, gastar a reserva de glicogênio!

Transforma, recicla, plenifica…usa!

Uma hora vai voltar! E que volte melhor do que foi!

:* Bom domingo!

Anúncios

Sobre Carmen Goncalves

Entusiasta da Arte de Escrever!
Esse post foi publicado em Ciência, Crônicas & Poesias, Diversidades, Mundo Feminino, Opinião e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

O que isso lhe fez Pensar?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s