Arquivo do mês: agosto 2015

Dor de cada Despedida


Cada vez que ela parte É uma dor que dilacera, Erupção que me supera, Dor que não se abate. Ela parte e esperá-la vir É espinho cruciante, Que rasga alucinante Por não saber o devir… Que será de nós, princesa? … Continuar lendo

Publicado em Crônicas & Poesias | Marcado com , , , , | Deixe um comentário