Arquivo do dia: 19 de dezembro de 2011

Fernando Pessoa e a pessoa do Fernando


Mas o contraste não me esmaga – liberta-me; e a ironia que há nele é o sangue meu. O que devera humilhar-me é a minha bandeira, que desfraldo; e o riso com que deveria rir de mim, é um clarim … Continuar lendo

Publicado em Crônicas & Poesias | Marcado com | Deixe um comentário